Bancários Joinville envia ofício para 14 deputados

Joinville – No dia 13 de dezembro de 2017, o Bancários Joinville enviou ofício aos deputados Marco Tebaldi e Mauro Mariani, pedindo aos parlamentares que votem não à Reforma da Previdência, que é prejudicial a todos os brasileiros. Agora o ofício se estendeu aos 14 deputados restantes que representam Santa Catarina:

CARMEN ZANOTTO
CELSO MALDANER
CESAR SOUZA
DÉCIO LIMA
ESPERIDIÃO AMIN
GEOVANIA DE SÁ
JOÃO PAULO KLEINÜBING
JOÃO RODRIGUES
JORGE BOEIRA
JORGINHO MELLO
PEDRO UCZAI
ROGÉRIO PENINHA MENDONÇA
RONALDO BENEDET
VALDIR COLATTO

O conteúdo do ofício:

Vossa Excelência
Praça dos Três Poderes – Câmara dos Deputados
CEP: 70160-900 – Brasília – DF

REF.: DEFESA DOS DIREITOS À APOSENTADORIA E AOS BENEFÍCIOS PREVIDENCIÁRIOS DIGNOS DOS CIDADÃOS


Excelentíssimo Senhor,

O Sindicato dos Empregados em Estabelecimentos Bancários de Joinville, por seu presidente abaixo assinado, sua Diretoria e sua Categoria Profissional integrada por cerca de 1.800 trabalhadores, vem pela presente rogar que Vossa Excelência não participe de um dos maiores crimes aos direitos dos trabalhadores brasileiros, intitulado de “Reforma da Previdência”.

Frisamos, Excelência, que o povo mais pobre, as trabalhadoras e os trabalhadores mais sofridos, estão cansados de suportar os contínuos ataques do Governo Federal. Os brasileiros não podem ser penalizados por mais uma “reforma” que, em nenhum momento, propõe resolver o suposto déficit previdenciário, mas, sim, atender aos interesses do mercado financeiro – cujas benesses recebidas pelo Estado subtraem nossas riquezas a cada dia.

Pleiteamos que a Vossa Excelência reflita: como apoiar um Governo que pretende explorar a força de trabalho idosa, deixar viúvas desamparadas e expor os servidores por anos a ambientes insalubres, enquanto quer dar R$ 1 trilhão às multinacionais petrolíferas, em forma de isenção fiscal, nos próximos 25 anos?

Diferente do que a Medida Provisória (MP) 805/17 e o Projeto de Lei do Senado (PLS) 116/17 alegam, não são os servidores que desfalcam os cofres públicos. Também não é a quantidade atual ou a projeção futura do número de aposentados.

Conforme publicado nos portais de notícias UOL, Estadão, Carta Capital e no próprio Portal da Transparência do Governo Federal, respectivamente, são os pacotes, como a MP 795/17; os R$ 32,1 bilhões gastos para barrar as duas denúncias criminais contra o presidente da República Michel Temer; os R$ 426 bilhões que grandes empresas nunca repassaram ao INSS; os R$ 317,1 milhões em publicidade do Poder Executivo Federal, os responsáveis por alimentar o capital especulativo e assaltar o erário público.

Notamos, com clareza, que esta “reforma”, determinada pela Proposta de Emenda à Constituição (PEC) 287, não prevê qualquer aprimoramento da gestão previdenciária, nem combaterá fraudes e sonegações. E certamente, os trabalhadores não irão perdoar todo e qualquer parlamentar que se submeta à ganância dos financistas. Neste ano de eleição, serão relembrados nas urnas somente aqueles que defenderem e respeitarem os direitos e a dignidade do povo brasileiro nos momentos mais decisivos do País.

É com este ardente apelo à Vossa Excelência que encerramos o presente pleito para que, no futuro, possamos comemorar juntos a retomada do desenvolvimento da Nação sobre as bases da igualdade, do pleno emprego e da soberania nacional.

Atenciosamente,

Valdemar Bruno da Luz Filho
Presidente
Sindicato dos Bancários de Joinville e Região

“Precisamos seguir insistindo, cobrando sempre de nossos representantes para que atuem a favor do povo, e não de agendas políticas”, assevera o presidente do Sindicato, Valdemar Luz. “As urnas este ano não vão perdoar aqueles que agiram contra a vontade popular e contra o trabalhador brasileiro”, conclui.

O texto foi criado pelo companheiro Lorival Pisetta, presidente do Sindicato dos Empregados em Estabelecimentos de Serviços de Saúde de Joinville e Região, após deliberação em reunião da União Sindical de 1° de dezembro de 2017. Redação Bancários Joinville

Bancarios Joinville

A página do Sindicato dos Bancários de Joinville é um instrumento de informação, formação e interação com a categoria e a comunidade em geral.