Reunião de Negociação com FENABAN, BB e Caixa nesta sexta-feira 17

A Comissão Executiva Bancária Nacional de Negociação – CEBNN – da Contec (Confederação Nacional dos Bancários) e a Fenaban (Federação Nacional dos Bancos) realizam nesta sexta-feira (17), a partir das 14 horas, em São Paulo, a sétima rodada de negociação desta campanha salarial.

Fenaban se comprometeu a apresentar respostas às reivindicações nessa sexta 17; Expectativa é que bancos, com lucros cada vez maiores, apresentem proposta com aumento real, garantia de empregos, manutenção de direitos e compromisso de não adoção das novas formas de contratação da reforma trabalhista.

Logo após a reunião da Fenaban, haverá rodadas de negociação do comando nacional dos bancários com as direções do Banco do Brasil e da Caixa Econômica Federal.

BB
O Banco do Brasil apresentou no dia 07/08, na rodada específica de negociação, uma proposta incompleta e insuficiente em relação às demandas dos funcionários, principalmente no que diz respeito às cláusulas econômicas.

A proposta do banco é de manutenção da maioria dos itens do Acordo Coletivo de Trabalho (ACT) e pela vigência que for firmada na mesa única de negociação. O BB acompanhou a proposta de reajuste oferecida pela Fenaban e ofereceu apenas o reajuste da inflação no período (1º de setembro de 2017 a 31 de agosto de 2018), ou seja, sem aumento real.

Caixa
Na ultima rodada de negociação específica da Caixa dentro da Campanha Salarial 2018, a direção do banco apresentou uma proposta de renovação do Acordo Coletivo de Trabalho (ACT) que ignora dezenas de direitos atualmente garantidos pelo acordo atual. A negociação ocorreu no ultimo dia 07/08, em São Paulo.

“Os bancários de Joinville e região não vão aceitar fechar um acordo sem garantia de que não serão substituídos por terceirizados”, assevera o presidente do Sindicato dos Bancários Valdemar Luz. “Os bancários querem proposta completa, como saúde, condições de trabalho, aumento real. Outra questão importante são as metas absurdas que adoecem a categoria”, conclui.

Veja como foram as negociações anteriores com a Fenaban
> 1ª rodada: Bancos frustram na primeira rodada de negociação
> 2ª rodada: Calendário de negociações foi definido
> 3ª rodada: Categoria adoece, mas Fenaban não apresenta proposta
> 4ª rodada: Bancos não avançam nas negociações e insistem em tirar direitos
> 5ª rodada: Campanha 2018: bancos não apresentam proposta
> 6ª rodada: Fenaban oferece reposição da inflação, sem ganho real

Veja como foram as negociações com a Caixa
> 1ª rodada: Empregados e Caixa definem calendário de negociação
> 2ª rodada: Direção da Caixa não garante direitos dos empregados
> 3ª rodada: Governo quer impor o fim do Saúde Caixa
> 4ª rodada: Reunião de Negociação Coletiva com a Caixa Econômica Federal
> 5ª rodada: Caixa apresenta proposta inaceitável

Veja como foram as negociações do BB
> 1ª rodada: BB mostra disposição para negociar com funcionários
> 2ª rodada: Resultado da negociação com o Banco do Brasil
> 3ª rodada: Terceira negociação com BB traz poucos avanços
> 4ª rodada: Banco do Brasil propõe reduzir prazo de descomissionamento
> 5ª rodada: Mesa de negociação com BB fica zerada na pauta econômica
> 6ª rodada: Banco do Brasil apresenta proposta insuficiente e incompleta

Veja como foram as negociações do Banrisul
> 1ª rodada: Primeira mesa de negociação com o Banrisul termina em frustração

Veja como foram as negociações dos Financiários
> 1ª rodada: Financiários iniciam negociação com Fenacrefi
> 2ª rodada: Financiários tem primeira vitória

Bancarios Joinville

A página do Sindicato dos Bancários de Joinville é um instrumento de informação, formação e interação com a categoria e a comunidade em geral.