Banco Pan lucra 167,6 milhões, crescimento de 128% em relação a 2019

São Paulo – O Banco Pan divulgou ontem (6) o resultado referente ao quarto trimestre de 2019, em que reportou um lucro líquido de R$ 167,6 milhões, crescimento de 128% ante o mesmo intervalo do ano anterior.

Nos 12 meses do ano, o lucro avançou 133% e fechou em R$ 515,9 milhões. Em 2018, o resultado foi de R$ 221,5 milhões.

A originação de varejo nos últimos três meses do ano passado obteve alta de 24%, passando de R$ 4,4 bilhões para R$ 5,5 bilhões. Entre janeiro e dezembro, o valor atingiu R$ 20,4 bilhões, avanço de 17% ante 2018.

O retorno sobre o patrimônio líquido (ROE) contábil subiu 6,5 pontos percentuais na base trimestral e chegou a 13,7%. A variação anualizada foi de 5,6 pontos percentuais e alcançou 11,4%.

A margem financeira gerencial ano a ano teve desempenho positivo tanto no quarto trimestre quanto no ano, tendo os percentuais subido para 19,9% e 16,9%, respectivamente.

O patrimônio líquido da empresa encerrou em R$ 4,9 bilhões, alta de 20%. A carteira de crédito total somou R$ 23,7 bilhões, tendo crescido 16%, enquanto a carteira core – composta por crédito consignado, financiamento de veículos e cartões de crédito – cresceu 20% nos últimos 12 meses.

Os ativos totais e a captação de recursos fecharam o ano em, respectivamente, R$ 32,7 bilhões e R$ 23,7 bilhões. O Índice de Basileia, considerando o aumento de capital de R$ 522 milhões, encerrou o período em 15,6%.

Além do anúncio dos dados operacionais, o Banco Pan lançou no mesmo dia uma conta digital voltada para as classes C, D e E. MoneyTimes

Bancarios Joinville

A página do Sindicato dos Bancários de Joinville é um instrumento de informação, formação e interação com a categoria e a comunidade em geral.