Resultado da reunião da Caixa Econômica Federal

Nesta segunda-feira (05/09) aconteceu a terceira reunião de negociação com a CAIXA ECONÔMICA FEDERAL nesta Campanha Salarial 2016, em Brasília. A maioria das reivindicações dos trabalhadores foi rejeitada. O banco apenas reforçou, que seguirá a proposta FENABAN de reajuste de 6,5%, mais abono de R$ 3.000,00 e PLR nos moldes dos anos anteriores. A reunião contou com a participação de representantes de sindicatos, CONTEC e federações; foi coordenada pelo CONTEC, por Rumiko Tanaka (Diretora de Finanças).

Os negociadores da CAIXA afirmaram o interesse em renovar algumas Cláusulas do último Acordo Coletivo. A Comissão CONTEC ressaltou que apenas com os valores arrecadados com as tarifas, a CAIXA pode arcar com duas folhas de pagamento de pessoal. Para os bancários, a oferta de 6,5% de reajuste é inadmissível, porque o valor sequer compensa a inflação do período, que foi registrada em 9,57%. Só no primeiro trimestre de 2016, o lucro da CAIXA registrou R$ 838 milhões.

Durante a reunião, a comissão CONTEC reforçou o pedido de inserir a cláusula voltada à reivindicação específica dos transsexuais no novo Acordo Coletivo de Trabalho. A CAIXA ficou de estudar o pleito e responder posteriormente. CEBNN/CONTEC.

Bancarios Joinville

A página do Sindicato dos Bancários de Joinville é um instrumento de informação, formação e interação com a categoria e a comunidade em geral.